Obras no Ramal do Cinturão Verde facilita escoamento da produção agrícola no Careiro Castanho

O Governo do Amazonas concluiu as obras do Ramal do Cinturão Verde, no município de Careiro Castanho (distante 88 quilômetros de Manaus), beneficiando diretamente 114 famílias de agricultores que vivem da produção agrícola da mandioca, castanha da Amazônia e cupuaçu. Antes da pavimentação, o escoamento era comprometido por conta da enchente, que chegava a inundar boa parte da área de trafego dos produtores.

Com acesso na altura do Km 83 da BR-319, o ramal, que possui 9,5 quilômetros de extensão é a principal via de escoamento da produção e também de acesso dos moradores a sede município e outras comunidades.

O presidente da Associação Comunitária Agrícola Cinturão Verde, Gutierrez da Silva, 49, ressalta que esse sonho foi realizado para melhora a vida das famílias. “Moro há 40 anos aqui (ramal), e nesse tempo passamos por muitos problemas, principalmente na cheia. Chegamos a usar canoas, botes e outros meios para levar nossa produção até Manaus e às feiras da cidade. O prejuízo era grande porque ficávamos isolados praticamente. Mas agora isso mudou”.

Com o objetivo de melhorar a qualidade de vida da população e viabilizar o desenvolvimento econômico das comunidades rurais, a Seinfra realizou neste ano obras em 11 ramais em cinco municípios, totalizando 138,9 quilômetros de extensão.

Ramal do São José – Ainda no município, o Governo do Amazonas está executando as obras no Ramal de São José, com entrada no Km 68 da BR-319. Com 14,45 quilômetros de extensão, o ramal também já passou por todos os processos iniciais de construção e recuperação e está pronto para receber, a partir da próxima semana, a aplicação do revestimento asfáltico.

“Essa é mais uma obra concluída para garantir a dignidade na vida da população do nosso interior. Estamos avançando para concretizar os planejamentos, conforme determinação do governador Wilson Lima”, destacou o titular da Seinfra, Carlos Henrique Lima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content