Wilson Lima apresenta política ambiental do Estado durante Cúpula Mundial do Clima

O governador do Amazonas, Wilson Lima, está em Madri, na Espanha, participando das discussões da Cúpula Mundial do Clima (COP-25) e também vai se reunir com financiadores, pesquisadores, ambientalistas e autoridades nacionais e internacionais. O encontro, que começou no dia 2 e vai até quinta-feira, 13 de dezembro, conta com representantes de 195 países que fazem parte da Convenção Base das Nações Unidas sobre a Mudança Climática. O evento aborda novas estratégias para o combate à crise climática.
“Nós, enquanto governadores da Amazônia, estamos trabalhando em uma agenda conjunta com o governo federal para tentar encontrar um entendimento e fazer uma moderação, para que a nossa mensagem seja cada vez mais forte. Há um interesse comum – e disso nós não abrimos mão – de preservar os recursos naturais. É uma necessidade premente que a gente possa montar estratégias claras, para que a gente possa fazer essa proteção das nossas florestas”, afirma o governador do Amazonas.
Presidente da Reunião Anual da Força-Tarefa Mundial de Governadores para Climas e Florestas (GCF Task Force – sigla em inglês), Wilson Lima convidou os participantes para o evento, que será realizado em maio de 2020, em Manaus, e apresentou as estratégias do Amazonas para promover o desenvolvimento sustentável.  Trinta e oito governadores de estados e províncias de 10 países que possuem área florestal estarão presentes à reunião.
“Há uma grande preocupação nossa na formatação do Fórum de Governadores que vai acontecer no Amazonas. Nesse Fórum nós estamos buscando mostrar atividades que são práticas e palpáveis para governadores; e exemplos do que nós estamos fazendo em alguns estados da Amazônia”, antecipou o governador Wilson Lima.
Outros compromissos
Além da reunião oficial do GCF, o governador do Amazonas participa de discussões sobre o compromisso para desenvolver baixas emissões; assina um Acordo de Cooperação entre Consórcio e Funbio para elaboração e implementação do Projeto para Fortalecimento da Biodiversidade das Cadeias de Produção da Amazônia; e participa de reuniões para defender os interesses do Amazonas e captar recursos internacionais para projetos que promovam o desenvolvimento sustentável.
Wilson Lima também apresenta o projeto aprovado pelo Itamaraty, que autorizou o Governo do Amazonas a captar recursos diretamente com o Governo da Alemanha, para a implantação do programa REDD+ Pioneiros Amazonas (no inglês, REDD Early Movers – REM Amazonas), que visa recompensar financeiramente o Estado por manter a floresta conservada.
GCF – O Fórum Global dos Governadores para Climas e Floresta reúne governadores de países que possuem áreas de floresta. O Amazonas foi escolhido como sede do evento por unanimidade, durante a última reunião do fórum, realizada em Caquetá, na Colômbia, em maio deste ano.
Além do Brasil, participam do Fórum Colômbia, Costa do Marfim, Equador, Espanha, Estados Unidos, Indonésia, México, Nigéria e Peru. Ele foi criado em 2008, com a proposta de cooperação entre os países em temas relacionados a política climática, financiamento, troca de tecnologias e pesquisa.
Da redação, com informações da Secom.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content